Não chega a ser inteiramente fascista porque faltam os aspetos do Estado totalitário, dos bandos armados, como os “fascio” de [Benito] Mussolini. Mas realmente há muitos aspectos do fascismo. Acho que Jair Bolsonaro é muito comparável, por exemplo, com Mussolini dos anos 1920. Nestes anos, Mussolini ainda mantinha certas aparências de uma república parlamentar, havia até oposição no parlamento, da qual o principal chefe era um democrata, o [Giacomo] Matteotti, e entre os deputados estava Antonio Gramsci. Tudo isso durou até 1926, quando ele fecha o parlamento, prende Gramsci, que fica na prisão até sua morte (1937), e manda assassinar Matteotti. Aí foi o fim. Espero que não cheguemos a isso aqui no Brasil.

https://www.esquerda.net/artigo/michael-lowy-dos-governos-de-direita-bolsonaro-e-o-que-mais-tem-tracos-neofascistas/62811?fbclid=IwAR3rjjOGDtgzGNi6Z9MK23khiR_lXUmrwC2HZe5hqD8-FqWWulakRYEBXxo

Izabella Kaminska (@izakaminska) Tweeted:
Look, all I’m saying is that a private jet ban is the sort of radical environmental measure that 99.99999% of the world could easily get behind. And brings many unintended benefits: 1) no more davos 2) less contraband smuggling 3) Kardashian immobilisation. https://twitter.com/izakaminska/status/1163356957203472385?s=17

https://www.brasildefato.com.br/2019/08/12/pm-age-com-violencia-em-despejo-para-construcao-de-porto-no-cajueiro-ma/?fbclid=IwAR2FwecjMQTuAlYYbXhwQ9C2CJ4_dH7s1oTvoBBkxksf1smfiuC4oCXjnwk