“você tem um campo democrático progressista que é puramente restaurativo, que quer restaurar. Mas há uma ruptura importante, decisiva, histórica, inédita na história do Brasil. Mesmo o governo dos militares, foi violento, mas não dá pra dizer que foi um governo de extrema-direita. E a única resposta é restaurar o que havia antes deste governo? […]

https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/09/conversas-de-lula-mantidas-sob-sigilo-pela-lava-jato-enfraquecem-tese-de-moro.shtml?utm_source=twitter&utm_medium=social&utm_campaign=twfolha&fbclid=IwAR016EUkknYeHC4PuyRZ3PDLSuMj6wnZBxNLIY-4l2otOG_1nRBx2fZ4iXA

Os linchamentos, como sempre, feitos em armas para disputa de poder. O Graeber, que é um intelectual interessante e também um verme, foi um dos primeiros a fazer coro pra um patético caso de linchamento na Jacobin. Qualquer bonde ele embarca, minúsculo moralista. Horror a essa esquerda. https://quillette.com/2019/09/09/the-anarchist-and-the-anthropology-journal/

Larga, vai, tchuchuca https://www.brasil247.com/regionais/sudeste/paulo-guedes-tem-piti-ao-ser-criticado-na-orla-do-leblon-largo-tudo-e-vou-embora?utm_source=notification-mobile&utm_medium=notification&fbclid=IwAR0LfvekkEhTAOQKtZQWhndpR06YgCBI9h1um_NHMLTlp_E5NBdBWlkNnTc#.XXa7hMfnZ50.facebook

O pior dos cornos lavajateiros mui desapontados com o saco de bosta é que não entendem que isso aí no poder não só é obra e graça da lava jato como é sua verdade executiva: ser governado por uma operação policial só pode dar mesmo em desmando, proteção, arbítrio e crise infinita, como bem sabem […]

Um menino, tentando levar uma barra de chocolate de um grande supermercado, é pego pelos seguranças, levado para uma sala fechada e torturado. CHICOTEADO. Vem o cidadão comentar, obviamente defendendo a tortura. Para quem lê, há ali um contraponto, a defesa é possível, o assunto é “polêmico”. Insisto: FECHEM AS MALDITAS CAIXAS DE COMENTÁRIOS.